segunda-feira, 31 de maio de 2010

- se agt pudesse ter tudo qe DESEJAA.'

- Eu só qeria... encontrar alguém. E qeria agora. Alguém para ouvir meus sonhos, pesadelos, vitórias, derrotas, medos & INSANIDADES... Alguém qe entenda meus gostos, que me faça descobrir novos! Alguém para abraçar e beijar, para ficar de mãos dadas... Passear à toa ou ficar sem fazer nada, mas qe ficasse cmg. E imaginar o futuro juntos! 'Preciso de alguém, & é tão urgente o qe digo. PERDOEM excessivas, obscenas carências, pieguices, subjetivismos, mas preciso tanto & tanto. Perdoem a bandeira desfraldada, mas é assim qe as coisas são-estão dentro-fora de mim: secas' (Caio Fernando Abreu).

Ah, & eu também só qeria qe tudo fosse mais fácil, qe as pessoas fossem menos cheias de si & respeitassem os meus sentimentos! Qe ngm me julgasse por ser assim, por nn fazer mal a ninguém, mas nn ser como elas qeriam qe eu fosse.

O amor para mim... é aceitar alguém como ele é. O amr' é desejar o bem do outro, é ajudá-lo qando preciso, aconselhar, corrigir qando o outro nn está indo no caminho certo. É o melhor sentimento qe alguém pode ter para com o outro! É o que nos fortalece & nos ajuda a seguir em frente! :)

Na vida eu aprendi qe todo mundo vai me magoar em algum momento, visto qe ninguém é perfeito, mas cabe a mim decidir qem eu qero levar comigo. Aprendi qe devo conhecer a essência e nn pré-conceituar algo-alguém. E também devo ser mais receptivo, deixar conhecer. Aprendi qe posso me sentir triste e/ou só em alguns momentos, mas nn posso deixar qe isso me consuma, devo reagir sempre!

Minha frase preferida é 'Se tu vens, por exemplo, às qatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz' (Antoine de Saint-Exupéry).'

- fragmentada

- Chegar ao centro, sem partir-se em mil fragmentos pelo caminho. Completo, total. Sem deixar pedaço algum para trás.'

(Caio Fernando Abreu)

- fantasiias

- Fiz fantasias. No meu demente exercício para pisar no real, finjo qe nn fantasio. E fantasio, fantasio. Até o último momento esperei qe vc' me chamasse pelo telefone. Qe vc' fosse ao aeroporto. Casablanca, última cena. Todas as cartas de amor são ridículas.Esse lugar confuso de que fala Caetano.E eu estava só começando a entrar num estado de amor por vc'. Mas nn me permiti, nn te permiti, nn nos permiti.

- Caio Fernando de Abreu.'

- Nossas escolhas.

- A gente começa a acreditar mais no caminho qe estamos trilhando qando percebemos qe ele é mais fruto de nossas escolhas, do qe direcionado pelos obstáculos existentes em nossa jornada.


- Fernanda Gaona

domingo, 30 de maio de 2010

- É uma, são duas & VARIIAS.

- É uma saudade pós-saudade. Uma saudade sem o peso de uma saudade. Uma saudade sem a tortura de uma obsessão. Uma saudade de detalhes qe só vem em sonhos que nn me acordam antes das cinco. Uma saudade que nn podia sentir qando estava cheio de saudade. Uma saudade de qem aprendeu a conviver com o pôr do sol.

[Gabito Nunes]

sábado, 29 de maio de 2010

quinta-feira, 27 de maio de 2010

quarta-feira, 26 de maio de 2010

- Vou sumir


- Avisei qe nn dou mais nenhum sinal de vida.
E não darei.

- Caio Fernando de Abreu

- em todos esses meses


- Ás vezes digo coisas ácidas & de alguma forma qero te fazer compreender qe não é assim, qe tenho um medo cada vez maior do qe vou sentindo em todos esses meses...

- Caio fernando de Abreu

- diferenças

- O qe me mata é o cotidiano. Eu qeria só exceções.

- Clarice Lispector.

-sempre vaii vir pra miim


- Sei apenas qe prefiro ser a mulher para qem ele corre do qe aquela de qem ele foge & de certa forma garanti essa situação nn ficando por perto.'

segunda-feira, 24 de maio de 2010

- Só uma Palavra ou Gesto


- E qe uma palavra ou um gesto, seu ou meu, seria suficiente para modificar nossos roteiros.
- Caio Fernando Abreu

- Nem tudo é assim.


- Um BAND-AID no coração, um sorriso nos lábios – & tudo bem'

- Caio F. Abreu

PS: Nem tudo tão bem assim

- CFA.


"[...] por onde anda vc',
tão distanciado, tão silencioso?
Em qe nova galáxia posso te encontrar outra vez [...]
Vez enqando baixa uma saudade,
qase sempre..."

- Caio F. Abreu


- Orgão involuntário


- Seja eu & por favor veja o qe dá pra fazer com isso. Pqe eu nn sei.'
[Tati Bernardi]

- Pensamentos¹

- Repito sempre: sossega, sossega - o amor nn é para o teu bico.'
- Caio Fernando Abreu

- Vamos fazer assim: vc' nn existe qe eu n te desejo."
- Caio Fernando Abreu

- Invasor.

- Na minha memória - tão congestionada -
& no meu coração - tão cheio de marcas & poços -
vc' ocupa um dos lugares mais bonitos.'
- Caio Fernando Abreu

- MAIIS VC' NN MERECE NENHUM POUQIINHO :/

- Lado á Lado


- Tento dizer tantas coisas & repito qe mais uma vez preciso qe as pessoas me digam: vamos lá, minha mão está aqui do outro lado. É só esticar a sua."

- Laís Bratfisch

- Insuportavelmente

- Então é isso - como sou insuportavelmente romântica, meu Deus. (...) Porque ainda gostaria de poder acreditar que você nadaria de volta para mim.

Fernanda Young

- Clandestinamente

- Criava as mais falsas dificuldades para aqela coisa clandestina qe era a felicidade. A felicidade sempre iria ser clandestina para mim. Parece qe eu já pressentia. Como demorei! Eu vivia no ar...Havia orgulho & pudor em mim. Eu era uma rainha delicada. Ás vezes sentava-me na rede, balançando-me com o livro aberto no colo, sem tocá-lo, em êxtase puríssimo. Nn era mais uma menina com um livro: era uma mulher com seu amante.'

- Clarice Lispector

sábado, 22 de maio de 2010

- Menina - Moçaa



- Menina-moça, tentaram me fazer acreditar qe o amor nn existe & qe sonhos estão fora de moda. Cavaram um buraco bem fundo & tentaram enterrar todos os meus desejos, um a um, como fizeram com os deles. Mas como menina-teimosa qe sou, ainda insisto em desentortar os caminhos. Em construir castelos sem pensar nos ventos. Em buscar verdades enqanto elas tentam fugir de mim. A manter meu buquê de sorrisos no rosto, sem perder a vontade de antes. Pqe aprendi com a Dona Chica, qe a vida, APESAR de bruta, é meio mágica. Dá sempre pra tirar um coelho da cartola. E lá vou eu, nas minhas tentativas, às vezes meio cegas, às vezes meio burras, tentar acertar os passos. Sem me preocupar se a próxima etapa será o tombo ou o voo. Eu sei qe vou. Insisto na caminhada. O qe nn dá é pra ficar parado. Se amanhã o qe eu sonhei nn for bem aqilo, eu tiro um arco-íris da cartola. & refaço. Colo. Pinto e bordo. Pqe a força de dentro é maior. Maior qe todo mal qe existe no mundo. Maior qe todos os ventos contrários. É maior pqe é do bem. E nisso, sim, acredito até o fim. O destino da felicidade, me foi traçado no berço. Disse um certo pai Ogum.
.................................................................................................

Ela desatinou
Composição: Chico Buarque

Ela desatinou, viu chegar quarta-feira
Acabar brincadeira, bandeiras se desmanchando
E ela inda está sambando
Ela desatinou, viu morrer alegrias, rasgar fantasias
Os dias sem sol raiando e ela inda está sambando

- Longe de vc' & d miim

- Tudo dói, e eu já nem sei mais para onde ir nem o qe fazer, se ao menos - Vc' me amasse um pouco, nn estaria aqi & agora . Neste bar . Sozinha . Longe de você & de mim.'

Caio Fernando Abreu

- Adeus.


"(...) E, no entanto, antes das palavras gastas, tenho a certeza de qe todas as coisas estremeciam só de murmurar o teu nome no silêncio do meu coração."

Eugénio de Andrade

quinta-feira, 20 de maio de 2010

- Tudo qe eu qeriaa,qeroo, espero conseguiir.


- Eu te mataria todas as noites qando roubas o meu sono, qando roubas os meus sonhos. Destruiria todas as lembranças qe me levam ao telhado no inverno. Acabaria com todo esse desconforto qe sinto qando estou sozinha. Eu te cortaria em pedaços, mas em fragmentos tão pequenos qe nem o diabo te reconheceria. Fingiria mil defeitos, fingiria mil sorrisos.
Eu te mataria todas as vezes qe me sinto inofensiva. Te moeria a cada lágrima qe eu derramasse. Te perderia todas as vezes qe a distância nos vencesse. Te esqeceria só para lembrar mais de mim. Só para ter certeza qe há pessoas qe nn se apagam, só para certificar o qão tola eu seria ao fracassar em todas as tentativas de te tirar de mim.


Bruna Berri

- Deiixando

- Deixei de ter um pouqinho de mim só para ter mais um pouqinho dele. Só para ver se dessa vez ele repara.

Bruna Berri

- Faltando.


- Tenho medo de, dia após dia, cada vez mais não estar no qe vc' vê. E tanto tempo terá passado, dps, qe tudo se tornará cotidiano & a minha ausência nn terá nenhuma importância. Serei apenas memória, alívio, enqanto agr sou uma planta carnívora exigindo a cada dia uma gota de sangue para manter-se viva. Vc' rasga devagar o seu pulso com as unhas para qe eu possa beber. Mas um dia será demasiado esforço, excessiva dor, e vc' esqecerá como se esqece um compromisso sem muita importância. Uma fruta mordida apodrecendo em silêncio no quarto.'


Caio Fernando Abreu

- Lembrar ás vezes faz bem, outras vezes mal :/

- Fico só qerendo te dizer de como eu te esperava qando a gente marcava qalqer coisa, de como eu olhava o relógio e andava de lá pra cá sem pensar definidamente & nada, mas nn, nn é isso, eu ainda qeria chegar mais perto daqilo qe está lá no centro e qe um dia destes eu descobri existindo, pqe eu nem supunha qe existisse, acho qe foi o fato de você partir qe me fez descobrir tantas coisas.

- Do meu jeito , nunca fui perfeiita

- Acho qe fiz tudo do jeito melhor, meio torto, talvez, mas tenho tentado da maneira mais bonita que eu sei.

[Caio Fernando Abreu]

& continuarei a fazer tudo do meu jeito, do melhor jeito que eu conseguir.

- Estás com ela mais por PURA COMODIDADEEE

-Ela o amava, ele a amava também.
E ainda, qe essa coisa, o amor, fosse complicada demais para compreender & detalhar nas maneiras tortuosas como acontece, naqele momento em qe acontecia dentro do sonho, era simples.
Boa, fácil, assim era.
Ela gostava de estar com ele, ELE GOSTAVA de estar com ela.
Isso era tudo.

[Caio Fernando Abreu]
P.S.: REFERIDO Á NÓS



- Mas eu te ouvia dizer qe sabias ser necessário optar entre mim & ela, e qe optarias por ela, por comodidade, para não te mexeres daquele canto um pouco escuro e um pouco estreito, mas teu.

- Caio Fernando De Abreu.

POR COMODIDADEE


- Vaii chegar.


- Não precisa correr tanto, o que é seu às mãos lhe há de vir...'

Machado de assis

- nada de mim.


- Estude, faça suas coisas, vá para Petrópolis, olhe as pessoas. Não fique pensando em mim, não fique esperando nada de mim, não invente estórias.

- Caio Fernando de Abreu


& deixarei msm ele ir ?


- O maior segredo do amor não é por qe amamos, mas por qe deixamos de amar.

- Fabricio Carpinejar

quarta-feira, 19 de maio de 2010

- Aos bocadiinhos


- Sinto-me partida aos bocadinhos e distribuida por aí.
Um coração peqenino em pedaços. As saudades apertam como nunca, pqe saudades enfraquecem & fazem sentir MAIS saudades.
O centro de uma estrela de raios brilhantes & campos de energia de diferentes tamanhos e intensidades.Os 700&poucoskm de ti...


ESTE TEXTO FOI RETIRADO DO BLOG -http://aquiescrevoamor.blogspot.com/ , A PRÓPRIA DONA O FEZ, & AGRADEÇO PQE DÁ TUA INSPIRAÇÃO SE FEZ A MINHA

- Indo & Vindo.


- Se as pessoas estão sempre indo & vindo, eu só qeria alguém minimamente eterno em sua duração, qe me fizesse parar de achar NORMAL essa história de perder as pessoas pela vida.'

(Verônica H.)

- valores

- Tlv'z a gente nn perceba o valor da própria vida.
Tlv'z a gente só consiga viver pqe nn tem consciência disso.'

(Lya Luft)

segunda-feira, 17 de maio de 2010

- Nn existe medo do amr.'

- Eu nn tenho medo do amor. Eu tenho medo é de amar qem tem medo dele.Amar qem teme o amor é como se apaixonar por uma sucessão de desistências.'

- Marla de Queiroz

- Três em Três

'(...) meu medo é que já já ele volta...
Te faz bem por três minutos.
& mal por três dias. '

- medo

- Eu perdi um pouco dessa coisa de humildade. Aprendi uma coisa qe a análise me ajudou a aceitar a minha grandeza, a aceitar o fato de ser bom. Pqe te dá um medo filho da puta: medo de ser feliz, medo de amar, medo de ser bom. Tudo qe faz bem pra gente, agte tem medo. E eu tô tranquilo, pqe ocupei meu lugar & ninguém tasca mais. Foi o qe sempre quis, era meu sonho.'

- Cazuza

- Improvisos.

- Vc' vai encher os vazios com as suas peraltagens
& algumas pessoas vão te amar por seus despropósitos.

(Manoel de Barros)

- Somos capazes de resultados qe nn esperávamos. De mudanças qe já nn acreditávamos ser possíveis. De improvisos MARAVILHOOS.'

(Ana Jácomo)

- Seja Esperto *


- E eu tenho vontade de segurar seu rosto e ordenar qe vc' seja esperto & JAMAIS ME
PERCA & seja feliz. E qe entenda qe temos tudo o qe duas pessoas precisam para ser feliz.

(Tati Bernardi)

domingo, 16 de maio de 2010

- Acidentee.

- Um dia o caminhão atropelou a paixão
Sem teus carinhos & tua atenção,
O nosso amor se transformou em 'BOM DIA'.

- Proteja-se


- Assim como protegemos nossa felicidade,
temos também qe proteger nossa infelicidade.
Nn há nada mais desgastante do qe uma alegria forçada.
Se você está infeliz, recolha-se, nn suba ao palco.
Disfarçar a dor é dor ainda maior.


Martha Medeiros

- conhecendo

- Nn tenha preguiça de conhecer seu "território", & saber qem vc é REALMENTE. O total desconhecimento de si, nn pode acontecer. A pessoa qe nn é "pessoa", nn tem assunto, e sabe tudo o qe acontece na vida do outro, mas nn sabe de si mesma.

- Padre Fábio de Melo

sexta-feira, 14 de maio de 2010

- não ferir

- Só entende o valor do "silêncio" qem tem necessidade de calar para não ferir alguém.' - Rosseau

quinta-feira, 13 de maio de 2010

- Não qeroo.


'Nn quero olhar para trás, lá na frente, e descobrir qilômetros de terreno baldio qe eu nn soube cultivar. Calhamaços de páginas em branco à espera de uma história qe se parecesse cmg.
Nn qero perceber qe, embora desejasse grande, amei peqeno.'

- Ana Jacobo

quarta-feira, 12 de maio de 2010

- Amor Próprio


- Valorizo as pequenas atitudes, assim como condeno peqenas mancadas. Sou rancorosa, guardo por anos uma coisa qe me magoou de verdade. Sei perdoar. Passo por cima dos erros pra ficar junto das pessoas qe eu gosto. Tenho meus limites. O primeiro deles é meu amor-próprio. Perdoo uma vez, porque errar é humano. Perdoo duas porque o ser humano é estúpido às vezes. Mas não posso viver perdoando porque isso seria incompetência minha."

(Brena Braz)


- Mistérios.


"Não morro de amores por pessoas sem mistério, quando se é muito transparente, muito risonho e educado é raro ser levado a sério. Prefiro os mais silenciosos, os que abrem a boca de menos, os mais serenos e mais perigosos. Aqueles que ninguém define e que sempre analisam os fatos por um novo enfoque. Prefiro os que têm estoque aos que deixam tudo à mostra na vitrine."

(Martha Medeiros)

segunda-feira, 10 de maio de 2010

- Nn me conhece mais.

- Ele nn sabe mais nada sobre mim.Nn sabe o aperto no meu peito diminuiu, que meu cabelo cresceu, qe os meus olhos estão menos melancólicos, mas qe tenho estado qieta, calada, concentrada numa vida prática e sem aqela necessidade toda de ser amada. Ele nn sabe qantos livros pude ler em algumas semanas.Nn sabe qais são meus novos assuntos nem os filmes favoritos.Ele nn sabe qe a cada dia eu penso menos nele, mas qe conservo alguma curiosidade em saber se o seu coração está mais tranqüilo, se seu cabelo mudou, se o seu olhar continua inqieto.Ele nem imagina qanta coisa pude planejar durante esses dias todos e como me isolei pra tentar organizar todos os meus projetos.Ele nn sabe qantos amigos desapareceram desde que me desvencilhei da minha vida social intensa.Qe tenho sentido mais sono e ainda assim, dormido pouco.Qe tenho escrito mais no meu caderno de sonhos.Qe aqui faz tanto frio, ele nn sabe por mim.Ele nn sabe qe eu nunca mais me atentei pra saudade. Qe simplesmente deixei de pensar em tudo qe me parecia instável.Qe aprendi a nn sobrecarregar meu coração, este órgão tão nobre.Ele nn sabe qe eu entendi qe se eu resolver a minha dor, ainda assim, poderei criar através da dor alheia sem precisar sofrer junto pra conceber um poema de cura.Hoje foi um dia em qe percebi qanta coisa em mim mudou & ele nn sabe sobre nada disso. Ele nn sabe qe tenho estado tão só sem a devastadora sensação de me sentir sozinha. Ele nn sabe qe desde qe nn compartilhamos mais nada sobre nós, eu tive qe me tornar minha melhor companhia: ele nem imagina que foi ele quem me ensinou esta alegria.

Marla de Queiroz

- Agt se engana.


- Agnt sempre procura um amor qe dure o mais possível. Procura, procura, talvez tu aches. Pra mim é horrível eu aceitar o fato de que eu tô em disponibilidade afetiva. Esse espaço branco entre dois encontros pode esmagar completamente uma pessoa. Por isso eu acho qe a gente se engana, às vezes. Aparece uma pessoa qalquer e então tu vai e inventa uma coisa qe na realidade não é. E tu vai vivendo aqilo, pqe não agüenta o fato de estar sozinho. Eu me sinto superfeliz qando encontro uma pessoa tão confusa qanto eu."

(Caio Fernando Abreu)

sábado, 8 de maio de 2010

- Confiando MAIS em mim

- Você tem um olhar de quem estaria disposta a cometer loucuras? Tem que ter! Você precisa dele para ser realmente feliz.
- Hoje eu acordei sem ter qem amar, mas aí eu olhei no espelho e vi, pela primeira vez na vida, a única pessoa qe pode realmente me fazer feliz.
sim, EU
Ela tem em si água e deserto, povoamento e ermo, fartura e carência, medo e desafio. Tem em si a eloqüência e a absurda mudez, a surpresa e a antigüidade, o requinte e a rudeza.


- Aqela


- Eu sou sim a pessoa qe some, qe surta, qe vai embora, qe aparece do nada, qe fica pqe qer, qe odeia a falta de oxigênio das obrigações, qe encurta uma conversa besta, qe estende um bom drama, qe diz o qe ninguém espera e salva uma noite, qe estraga uma semana só pelo prazer de ser má & tirar as correntes da cobrança do meu peito. Qe acha todo mundo meio feio, meio bobo, meio burro, meio perdido, meio sem alma, meio de plástico, meio bomba. E espera impaciente ser salva por uma metade meio interessante, qe me tire finalmente essa sensação de perna manca quando ando sozinha por aí, maldizendo a tudo e a todos. Eu só queria ser legal, ser boa, ser leve. Mas dá realmente pra ser assim?"

- Tati Bernardi

quinta-feira, 6 de maio de 2010

- Qestionando


- Se me pudesse questionar honestamente perguntar-me-ia pelo que espero(?). Se tenho medo do que está para vir(?). Se terei força para aguentar(?). Se estarei preparada(?).
A vida provoca-me constantemente e eu provo-me a mim própria que a força é um saco infinito de favas mágicas para distribuir e semear. Porque tudo passa. Tudo! E se é difícil ultrapassar as armadilhas do destino, não sendo impossível sou o hulk da minha própria vida, pouco verde, colorido num pendant de cores adequadas a cada momento.
Agora sou branca. Quase transparente.
Mandei à fava o medo e espero que me venhas colorir.

- Indo emboraa





- E eu corro no espelho de novo e repito cem vezes que não gosto de você.
Não gosto de você. Não gosto de você.
Porqe se eu gostar de você, eu sei qe você vai embora.
E eu simplesmente não agüento mais ninguém indo embora.
Porque nessa vida maluca só se dá bem qem ignora completamente a brevidade da vida e brinca de não estar nem aí para o amor.
E eu preciso me dar bem e por isso ignoro minha urgência pelo amor.
Porque, se você sentir uma urgência em mim, vai é correr urgente daqui. Chega!

Tati Bernardi

quarta-feira, 5 de maio de 2010

VOANDOO..


"Às vezes você acorda. Às vezes a queda mata… E ás vezes
quando você cai, você voa."


domingo, 2 de maio de 2010

- No coração da alma


- Por vezes é necessário cruzar os braços e esperar. Esperar receber. Esperar esperar. Esperar sem esperar. Encarar a espera. Aprender a integra-la e ouvir o que tem para nos dizer. Sentir o qe tem para nos oferecer. Por vezes é preciso baixar a guarida, recolher a espada e largar as rédeas. Deixar qe apenas o destino nos comande.
-
Custa a qem luta por tudo o qe tem. A qem comanda para não se perder. A qem controla pelo medo. A qem não aspira fantasmas e não tem colchão de nuvens no fim do precipício. A qem não tem trampolim de reversão. Custa a qem dorme sozinha todas as noites e tem medo do escuro. Custa a qem procura a felicidade plena, a qem tem a certeza que chegará.
-
Esta espera, não mais faz do qe parte integrante deste plano.
.
Por isso, cruzei os braços, mas estou atenta. Procuro-te da imensidão do espaço qe nos separa e na ínfima distância do amor que sinto que nos une. E é aqi qe te encontro. Cá dentro. No coração da minha alma.

- Não se julga.'

- Não quero lembrar.
Faz mal lembrar das coisas que se foram
e não voltam.
(…) Mas a gente nunca pode julgar
o que acontece dentro dos outros, só o que
se passa dentro de nós.'

- Caio Fernando Abreu

sábado, 1 de maio de 2010

- Algo qe mereça

“Confesso! As vezes tenho vontade de sair por ai destruindo corações, pisando em sentimentos alheios ou sei lá, alguma coisa que me faça realmente merecer esse meu sofrimento no amor.”

- Caio F. Abreu